Linhas de Pesquisa

AVALIAÇÃO E VALORAÇÃO DE DANO AMBIENTAL

Desenvolvimento de metodologias de avaliação de danos ambientais considerando os aspectos criminais. Valorar o dano ambiental é uma tarefa que muitas vezes torna-se bastante subjetiva e como tal de difícil aplicabilidade. Os estudos em andamento visam desenvolver metodologias que possam ser padronizadas e, portanto, que sua aplicabilidade possa ser sistematizada e amplamente aceita pelas partes envolvidas em processos judiciais que tratam de dano ambiental.

ECOLOGIA DA VEGETAÇÃO LITORÂNEA

Estudo da características da vegetação litorânea para fins de classificação fitofisionômica e de estágios sucessionais. Os estudos em andamento visam desenvolver metodologias que podem ser utilizadas na caracterização de dano ambiental, em especial na derrubada de florestas e alteração da vegetação nativa. Os dados gerados neste tipo de avaliação podem ser inclusive utilizados para a valoração do dano ambiental.

GEOPROCESSAMENTO E SENSORIAMENTO REMOTO

A aplicação de métodos de sensoriamento remoto na produção de laudos períciais constitui-se numa ferramenta fundamental para a caracterização de danos ambientais, na estimativa de sua extensão e na atribuição de autoria. Os projetos em andamento visam desenvolver metodologias que possam ser utilizadas com esta finalidade.

POLUIÇÃO E ECOTOXICOLOGIA

Desenvolvimento de metodologias na avaliação/caracterização de poluição hídrica, de solos e atmosférica. Em especial, os projetos em andamento têm estudado alterações bioquímicas, fisiológicas, histopatológicas, de comunidades e de ecossistemas, usando diversos organismos de níveis tróficos diferentes. Tais estudos visam desenvolver metodologias usando bioindicadores e biomarcadores de exposição a poluentes, bem como a caracterização de danos biológicos nos diversos ecossistemas. O objetivo é desenvolver ferramentas biológicas que possam ser usadas no trabalho de perícia ambiental. Adicionalmente, alguns projetos em andamento visam desenvolver metodologias que permitam caracterizar o processo de contaminação de águas subterrâneas.

 TRATAMENTO BIOLÓGICO DE RESÍDUOS POLUENTES E ÁGUAS RESIDUAIS

Nesta linha de pesquisa são desenvolvidos projetos que visam estabelecer métodos de biodegradação de poluentes em resíduos sólidos ou águas resíduais, avaliando a sua eficácia e aplicabilidade. Os projetos em andamento estão focados principalmente em tratamentos de efluentes de indústrias de papel e celulose, têxtil, efluentes contendo compostos fenólicos. Adicionalmente, outros projetos têm abordado a biotransformação de resíduos agrícolas, tais como casca de arroz visando desenvolver metodologia biotecnológica de aproveitamento dos mesmos.